quinta-feira, 7 de maio de 2009

Acadêmico do curso de jornalismo organiza caravana para o Programa do Jô

Por Leonardo Daleffe

Claudeir Policarpi, 27 anos, fotógrafo e acadêmico da 4ª fase do curso de jornalismo da Faculdade Satc é o responsável pela caravana que levará os estudantes de jornalismo da faculdade para assistir o Programa do Jô nos estúdios da Rede Globo em São Paulo.

O planejamento para a excursão exigiu tempo e determinação de Claudeir que levou 1 ano e meio de telefonemas, agendamento e fila de espera para conseguir a vaga da caravana para o programa.

Em entrevista exclusiva ao blog Jornal Criciúma ele relata que além do tempo para conseguir a vaga, uma grande dificuldade na organização é o pagamento da viajem por parte dos integrantes que se dispuseram a ir ao programa.

“É preciso ter confiança nas pessoas para lidar com a situação, a maioria, talvez por eventualidade, esquece de pagar e até mesmo confirmar sua participação na caravana. Tenho que ir sempre atrás das pessoas para lembrá-las de suas responsabilidades”, afirma Claudeir.

A caravana conta com 35 pessoas, sendo duas delas a professora Sonia e a coordenadora do curso de jornalismo Lize Burigo como representantes da instituição. De acordo com a programação a saída está prevista para o dia 19 de maio às 4h em frente à Satc, com retorno previsto no dia 20 de maio às 22h.

Acadêmicos lutam contra mensalidades no transporte coletivo em Cocal do Sul

Por Michele Antonio

Os acadêmicos das faculdades da região sul que residem em Cocal do Sul estão reivindicando contra a introdução de mensalidades no transporte coletivo. Os alunos sempre tiveram o trasnporte para as faculdades (Unisul, Unesc, Afasc, Esucri e SATC) gratuitamente, mas o problema é que a prefeitura resolveu implantar uma “ajuda de custo mensal” para manutenção dos ônibus. “É um absurdo termos que pagar pelo serviço sendo que sempre recebemos isso gratuitamente, é como se agente já pagasse pouco imposto”, comenta indignado o acadêmico Renato Búrigo.

Os alunos que utilizam os ônibus diariamente, só obterão uma resposta conclusiva e definitiva da prefeitura acerca do assunto, no início do segundo semestre de 2009. Enquanto o empasse não é resolvido o serviço continua a ser prestado de forma gratuita.

Jovem karateka vai para Joinvile defender Cocal do Sul

Por Michele Antonio

A jovem lutadora de Karatê, Tamires Zeferino, 16, vai a Joinvile participar da competição regional de Karate defendendo a cidade de Cocal do Sul. A karateka, que hoje é faixa marrom, está confiante e acredita que volta para casa com medalhas. “Já participei de várias competições e nem mais fico mais tão nervosa antes das lutas”, comenta Tamires risonha, “conheço praticamente todos meus adversários e contra muitos já lutei em outras categorias, mas com certeza tenho muito respeito por todos”, concluiu ela.

A jovem enfrenta esta competição como uma preparação para a sua troca de faixa, que acontece em dezembro. “Agora vem a parte mais difícil, pratico o esporte desde os sete anos e sempre sonhei com o dia que iria receber a faixa preta”, fala Tamires emocionada e completa, "Gosto muito do que faço e meu objetivo é dar aulas de Karate para crianças carentes da regiao".

A competição que a jovem participa acontece no dia sete de maio no ginásio municipal de Joinvile.

Dia 9 tem mais Edu e Renan no Caldeirão do Huck

Por Juliana Oliveira

Arroio do sal parou para receber seus mais famosos cidadãos, a banda Dejahu que virou Edu e Renan foi a primeira banda de 2009 a participar do quadro Olha minha Banda do caldeirão do Huck,foram recebidos com muita festa na cidade. Ainda neste sábado você pode conferir a volta dos meninos e o primeiro show de Edu e Renan realizado em Arroio do Sal, no Caldeirão do Huck.Para saber mais clique aqui .

Famílias do meio rural têm fácil acesso a leitura em Cocal do Sul

Por Michele Antonio

Uma iniciativa do programa “Arca das Letras”, (da Secretaria de Reordenamento Agrário e do Ministério do Desenvolvimento Agrário), está levando cultura para famílias que residem no campo. Cerca de 200 obras literárias estão à disposição de agricultores que moram nas comunidades de Rio Comprudente e Rio Perso, Cocal do Sul.

De acordo com o site Portal Cocal, a arca fica disponível para as pessoas na casa de um dos moradores da comunidade e agentes de leitura voluntários cuidam dos empréstimos dos livros. Para saber mais sobre o projeto e ler a matéria completa clique aqui.

Animais abandonados receberão tratamento

Por Patricia Rodrigues

Os animais abandonados de Criciúma estão com os dias contados. Dentro de 30 dias eles receberão tratamento. Os animais quem ficam em local de maior circulação, como o centro, serão os primeiros a serem recolhidos pelas ongs.

Segundo matéria no jornal A tribuna, ficou acertado que a partir do próximo mês as entidades envolvidas farão recolhimento dos animais, que serão encaminhados a uma clinica conveniada, e em seguida, para doação.

A felicidade está no sorriso

Por Patricia Rodrigues

“Eu ainda estou no auge da juventude”, declarou Laura Guimarães Machado, uma jovem senhora de 83 anos. Todos os meses Dona Laurinha, como é chamada pelos amigos, vai ao banco receber sua aposentadoria, mas ela faz questão de receber no caixa eletrônico. “Minha cabeça ainda funciona”, acrescenta.

A dificuldade de usar eletrônicos nos bancos é visível na terceira idade, mas par essa senhora a dificuldade é facilmente esquecida com um sorriso no rosto. “Minha neta não consegue usar essa maquinas, para ela é bicho, mas enquanto eu tiver disposição, não vou lá pegar aquelas filas.”

O que para muitos pode ser o fim do mundo, para pessoas que aparentemente não seria acessível, já virou rotina. Dona Laurinha mostra que dificuldade é para ser enfrentada, que ninguém tem o direito de ficar com o traseiro colado na cadeira e não fazer nada. “O importante é ser feliz”, afirma Laura.

Em busca da saúde

Por Patrícia Rodrigues

Pastoral da Saúde oferece aulas de ginástica terapêutica para quase 40 mulheres na busca pela qualidade de vida. Está atividade já acontece a três anos na cidade de Cocal do Sul.
Os encontros acontecem as segundas feiras, das 14 h às 15h30min, na sala da catequese, no centro de Pastoral da Saúde. Segundo a treinadora diocesana da Pastoral da Saúde, Zilma Formentin, em matéria para o jornal A Tribuna , exercitar o corpo e a mente também é saúde