quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Criciumense fatura o 1º lugar no ENEM 2008

Por Liana Fernandes

O Criciumense Pedro Henrique Cardoso Borges, 17 anos, conseguiu o melhor desempenho do Estado no ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio). Segundo dados do portal engeplus, Pedro obteve a média de 94,44 pontos e conquistou nota máxima em redação. Ele sempre estudou no colégio Marista, pretende cursar Medicina.

“No país, Santa Catarina ficou com o terceiro melhor desempenho médio do Enem com 44,19 pontos. Rio Grande do Sul ficou em primeiro. A média das notas dos alunos na prova objetiva, em uma escala de zero a cem, foi de 45,06 pontos. São Paulo ficou em segundo lugar com 44,86”.

Suicídio: medo ou coragem

Por Fernanda Feltrin

Enquanto muitas pessoas lutam pela sobrevivência em leitos de hospitais fica difícil entender o que leva uma pessoa a tirar a própria vida. Normalmente os casos são ligados à depressão ou a usuários de drogas, porém, isso é uma concepção geral, pois há outros fatores que levam uma pessoa a cometer suicídio.

“Sempre fui muito alto astral e de bem com a vida, mas quando meus pais morreram tudo o que eu mais queria era morrer também, não sabia como continuar vivendo e foi aí que tentei me matar”, desabafou a adolescente, I.M., de 18 anos.

A jovem conta que quando acordou estava no hospital, graças a uma vizinha que a encontrou desmaiada. “Depois que saí do hospital recebi tratamento psicológico para superar a perda e conviver com aquilo, hoje vejo que foi um erro grotesco eu desistir assim tão fácil da minha vida, finaliza I.M.

Segundo o médico psiquiatra Eduardo Guagliardi, uma pessoa tenta suicídio por várias causas, depressão, uso de drogas, angústia estrema, mas seja qual for o motivo de crise, ela precisará de um acompanhamento profissional para que não ocorra uma nova tentativa.

Gugliardi acrescenta que “suicídio é uma dor psíquica insuportável e não uma atitude de covardia ou de coragem”.

A dor de quem perde

Há uma frase de Vicent Van Gogh que diz “O suicídio faz com que os amigos e familiares se sintam seus assassinos". E é realmente o que acontece na maioria dos casos, quando alguém na família acaba com a própria vida.

“Perder uma pessoa da família por doença ou acidente é doloroso, mas o que mais me dói é saber que isso podia ter sido evitado”, desabafa A.C.H, mãe de R.H, o jovem de 22 anos que tirou a própria vida há alguns meses após uma discussão com a esposa na qual ela sugeria a separação.

“Ele ficou inconformado e avisou que ia se matar caso eu fosse embora, de cabeça quente a gente fala muita coisa da boca pra fora, por isso não levei a sério e esperei acalmar as coisas, até que me ligaram e me contaram, foi um choque”, contou a esposa de R.H.

O psiquiatra Eduardo Guagliardi diz que uma das idéias errôneas sobre suicídio é que ameaças são para manipular e que quem quer se matar não avisa. “Pelo menos dois terços das pessoas que tentam ou que se matam haviam comunicado de alguma maneira sua intenção.

A ameaça de suicídio deve ser leva a sério, pois fica evidente que a pessoa está sofrendo e precisa de ajuda”, alerta o psiquiatra.

O médico Carlos Felipe Almeida D'Oliveira explica que ninguém se mata se não estiver sofrendo. Se a pessoa tenta chamar a atenção, e não a recebe, o risco de ela se matar aumenta. "Às vezes, as ameaças são para valer", ressalta o médico.


Dados estatísticos sobre suicídio no Brasil e no mundo
N.J. - Dados Estatísticos sobre suicídio

Ministro das comunicações fala sobre rádio, televisão e conversores digitais

Por José Carlos Amorim

Confira abaixo os áudios das declarações do ministro Hélio Costa sobre rádio e TV digitais

Fonte dos áudios: RadioWeb, divulgados no site do ministério das comunicações www.mc.gov.br

Rádio Digital avança na escolha do melhor padrão para o Brasil



Ministro quer digitalizar processos de rádios comunitárias



Conversor digital: agora a internet é acessada pela TV

HSJosé recebe doações para as vítimas das enchentes

Por Claudia Ramos

O Hospital São José está recebendo bolsas de roupas trazidas por funcionários e pela comunidade, para serem encaminhadas as vítimas pelas enchentes no Norte do Estado. A informação é do site do hospital.

Segundo o site, as doações serão encaminhadas à campanha promovida pela Cruz Vermelha de Criciúma e 6ª Associação dos Policiais Civis (Arpoc). Donativos, como roupas, alimentos, leite, água e cobertores podem ser deixados no HSJosé durante todo o dia.

Ajude as vítimas das enchentes em SC

Por Gustavo Vasconcelos Cardoso

A Defesa Civil divulgou ontem (26/11) as contas bancárias para os interessados em ajudar financeiramente as vítimas das chuvas em Santa Catarina. Segundo consta no site da instituição, já são 78.707 desalojados e desabrigados, sendo 27.410 desabrigados e 51.297 desalojados, 99 mortos e 19 desaparecidos.

Várias cidades no país estabeleceram pontos de coleta para os donativos que não páram de chegar. Roupas, alimentos não-perecíveis, material de limpeza, tudo é necessário para os afetados pelas enchentes.

Confira as contas da Defesa Civil:

Caixa Econômica Federal - Agência 1877, operação 006, conta 80.000-8
Banco do Brasil – Agência 3582-3, Conta Corrente 80.000-7
Besc – Agência 068-0, Conta Corrente 80.000-0
BRADESCO S/A - 237 Agência 0348-4, Conta Corrente 160.000-1
ITAU S/A - 341, Agência 0289, Conta Corrente 69971-2

O nome da pessoa jurídica é Fundo Estadual da Defesa Civil, CNPJ - 04.426.883/0001-57. a Defesa Civil de SC alerta ainda sobre ação de golpistas pela Internet, informando que não envia mensagens eletrônicas (e-mails) com pedidos de auxílio.

Em Criciúma e região, segundo o site Engeplus, os postos de coleta para os donativos são:

- Delegacia Regional de Polícia de Criciúma;
- Central de Polícia Civil de Criciúma;
- 4º Batalhão de Bombeiros Militar;
- Cruz Vermelha Brasileira (Pinheirinho);
- 9º Batalhão da Polícia Militar (Próspera);
- 28º Grupo de Artilharia de Campanha (Primeira Linha);
- 2ª Companhia da Polícia Militar Rodoviária (postos de Cocal de Sul e Içara);
- Delegacias de Polícia da região carbonífera (Lauro Muller, Orleans, Urussanga, Içara, Morro da Fumaça, Cocal do Sul, Treviso, Siderópolis, Nova Veneza e Forquilhinha);
- Shopping Della Giustina;
- Senac Criciúma;
- Sesc Criciúma;
- Estádio Heriberto Hülse (Criciúma).

Grupo RBS lança campanha em prol das vítimas da chuva em SC

Por Elizangela De Bona


O Grupo RBS lança, hoje, a campanha Santa Catarina Solidária. A campanha pretende arrecadar alimentos, roupas, calçados e itens de higiene pessoal para as vítimas da tragédia. A informação é do jornal A Notícia.

Segundo o jornal, os alimentos não podem ser perecíveis e devem estar dentro do prazo de validade e as roupas devem estar em bom estado de conservação.A entrega dos donativos poderá ser feita em qualquer agência dos Correios.

Para saber mais, clique aqui.

No verão os focos de dengue aumentam

Por Rossy Mizeeski

Verão chegando, e com ele vem também a preocupação com a dengue, pois é nessa estação do ano que o mosquito aedes aegypti, o transmissor da doença, tem mais condições de reprodução.

Ouça, abaixo, a entrevista com a enfermeira epidemiológica Gisele Scandolara.

Os focos de dengue aumentam com a chegada do verão?

 Dengue 01 - Dengue 01


A chuva dos últimos dias pode contribuir para novos focos do mosquito?

 Dengue 02 - Dengue 02


Quais precauções devemos tomar para evitar os focos?

 Dengue 03 - Dengue 03


Quais os riscos que a dengue causa a saúde humana?

 Dengue 04 - Dengue 04


Como a dengue é transmitida?

 Dengue 05 - Dengue 05


Quais os sintomas de uma pessoa infectada? E como ela deve proceder?

 Dengue 06 - Dengue 06

Clima de Natal em Criciúma

Por Patrícia Caciatori

Faltando menos de um mês para o Natal já se consegue perceber o brilhos das decorações nas ruas da Cidade. Essa é a época do ano em que a cidade está mais bonita e as pessoas mais alegres.

A novidade deste ano está no Criciúma Shopping, que além da presença do Papai Noel, reservou um espaço para as crianças andarem de trenzinho ao redor da casa do bom velhinho.

“Quem entra no shopping já se encanta com o trono do Papai Noel e logo atrás a pista para a criançada andar de trenzinho. Está tudo muito lindo, meus filhos adoram bater fotos aqui,” declara a dona de casa, Fernanda dos Santos.

Na noite de quinta-feira passada o Papai Noel chegou na cidade em grande estilo: a bordo de uma Ford Quantium fabricada em 1937. Passou pelo lançamento do Natal nos shopping e depois desfilou no possante pela Avenida Centenária inaugurando as 70 mil luzes que decoram o Natal
2008.